QAD4 fala sobre o processo de criação do podcast em conversa com The Mother Owl

#087 – Crimes com a Bruna e a Fabi do podcast 1001 Crimes! (Especial #027)
9 de outubro de 2020
#088 – One Piece, Baldur’s Gate 3, Revista Dragão Brasil…
12 de outubro de 2020

Recentemente demos uma entrevista para os nossos parceiros The Mother Owl, um site que trás tudo de bom e do melhor de entretenimento sobre Fantasia, Ficção Científica e Terror.

A conversa girou em torno do próprio processo de criação do nosso podcast, passando pelos tópicos:

  • O podcast vai terminar depois do episódio da Covid?
  • Qualidade de áudio é indispensável?
  • Tudo é uma questão de tempo
  • Um nicho sem nicho
  • Não esperar para fazer

Leia abaixo o que The Mother Owl tinha pra dizer sobre o Quarentena Antes dos 40:

Como parte do nosso programa de parcerias, fizemos uma entrevista ao pessoal do podcast Quarentena Antes dos 40. A ideia deste blog é partilhar o processo de ter um projeto online com vocês. Visto que os nossos parceiros brasileiros começaram o podcast há pouco tempo, achámos que seria valioso entrevistá-los nesse mesmo sentido.

Que projeto é esse?

Quarentena antes dos 40, ou o QAD4, é um podcast apresentado pela dupla de Fabio Reis e Ricardo Nespoli. O projeto iniciou em março deste ano quando, após o agravamento da situação sobre o Covid-19 no Brasil, os dois se viram com mais tempo livre e, claro, confinados em casa.

A proposta deles era, e continua a ser, trazer conversas descontraídas e bem humoradas sobre o que fazem durante a pandemia. Que filmes e séries eles têm assistido, o que opinam sobre determinada notícia, entre muitos outros tópicos que facilmente iriam surgir numa conversa entre amigos. Todas as sextas-feiras eles trazem convidados para episódios especiais. Aí o conteúdo gira um pouco mais sobre temas relacionados aos convidados. Já teve músico, realizador, dublador, …, e nós claro! Enquanto ouvinte, além de soltar risadas, vais receber dicas sobre vários assuntos que vão tornar o teu tempo em casa mais interessante.

Para ler toda a conversa, visite o site The Mother Owl